Pesquisar nas cartas

quinta-feira, 12 de março de 2015

Manual de Sobrevivência ao Beta Negativo

Todo mundo que faz fertilização in vitro fica mega feliz quando o resultado do BetaHCG é positivo. Até quem ainda não teve essa felicidade, se realiza nos positivos dazamigas! Eu, incluisive! :D
Os post's são lindos e cheios de emoção e o assunto reverbera por muitos dias e em muitos meios digitais, quando a nova mamãe tem várias contas como blog, instagram, twitter, facebook e por aí vai! 
Eu leio tudo e adoro!
Mas o que pouco se fala (nesse caso, se escreve) é quando o resultado do tratamento dá negativo. E não estou falando de vocês, queridos leitores. Estou falando de nós, fivetes, que escrevemos tudo o que acontece com nosso tratamento e depois do negativo, a gente dá uma sumidinha básica. Acha que nunca mais vai postar nada sobre nada. O mundo (virtual) morre! 
É normal, viu pessoas! E digo mais... Essa pessoa que vos fala tem feito isso reiteradamente...
Não vou pedir desculpas porque acho que não ofendi ninguém. Só não tinha motivos e nem assunto mesmo!

Pois bem, pensando sobre isso e lembrando que dessa última batalha perdida eu me recuperei até beeeeem rápido, queria escrever pra vocês o que aprendi nesses anos de luta e me deu suporte para atravessar mais um negativo com uma certa serenidade.
Foram atitudes bem pessoais, isso não é um manual de sobrevivência (mesmo que tenha sido pra mim)... Então, peguem o que lhes fizer bem... Vamos lá?!

1 - Tenha fé! E tenha confiança em Deus, em Maomé, em Alá... Qualquer que seja sua religião, busque a Sua Divindade dentro do seu coração, faça suas orações e repita: Eu serei abençoada! Eu terei filhos! Eu serei vitoriosa! Eu sempre pensava nessas palavras, e mesmo chorando, repetia baixinho só pra eu mesma pudesse ouvir. Fiz isso muitas vezes em desespero, sozinha em casa, no trânsito, no banheiro do trabalho e na volta do laboratório, depois de ter feito o exame. Isso me dava uma paz enorme, ainda que o resultado não tenha sido o que eu esperava, AINDA.


2 - Chore (essa eu tenho PHD), se dê esse direito! Depois, tome um banho bem quentinho, de preferência com uma vela aromática acesa e uma luz bem fraquinha... Só pra criar um ambiente mais relaxante. A minha consciência ambiental não me deixa ficar ad aeternum debaixo do chuveiro. Mas, creia, qualquer 5 minutos só ouvindo o barulhinho da água caindo sobre a sua cabeça vai te acalmar! E se o maridone estiver junto, abraçadinho contigo, será perfeito!


3 - Não se culpe. Não era pra ser! Sim, com certeza, aconteceu ou deixou de acontecer alguma coisa para que seu filho não tenha grudado em você. Mas, sem sombra de dúvidas, nem você e nem a medicina tem controle sobre isso. Entenda apenas que não era pra ser agora, mas em breve será! E quando tiver estabilidade emocional, investigue e recomece.
Eu já fiz todo tipo de abordagem... Já quase virei uma galinha de tanto ovo que comi...Já tomei tanta gororoba de gelatina e abacate que tive piriri... Já gastei muitas dilmas com aquela frutinha cara que só acho no Pão de Açúcar - phisalis... Já fiz repouso absoluto, e também não fiz nenhum... Como se vê... Não há culpados!


4 - Tenha paciência com maridone, mesmo que a situação seja extremamente estressante, foi um baita NÃO da vida pra ele também. Fiquem juntos todas as vezes que for possível, principalmente nos dias seguintes ao negativo. Fortaleçam o amor e a fé juntos. Conversem e rezem. Será muito reconfortante.
O resgate da nossa espiritualidade foi o que de melhor trouxe a espera pelo nosso filho. Descobrimos que Deus sempre esteve conosco e tudo que está acontecendo é porque Ele nos quer perto dEle! Talvez se eu estivesse feliz e cheia de filhos, e nem me lembrasse de ao menos agradecê-lO. O convívio com Ele nos reinventou!


5 - Procure atividades que lhe faça bem, ou retorne antigos projetos. Refrescar a memória com o que nos dá prazer, trás uma paz enorme e alegra o coração. Além de ser uma ótima terapia. 
Lá em casa, eu comecei a costurar e maridone começou um curso de webdesigner on line. E está dando tão certo que minha casa está cheia de novos guardanapos e jogos americanos! rs E maridone está doido para mudar o layout desse meu blogheeeenho! kkkk Posso te fazer uma lista de coisas legais pra fazer/preencher os pensamentos positivamente: fotografia, pintura, leitura, estudo de outro idioma, escultura, desenho, origami, jardinagem... Escolhe um, vai!


6 - Se puder, viaje. Um lugar legal para pôr as ideias em ordem é muito bom e até aconselhável! Esse item nós usamos sempre! Não tem erro! Não precisa tirar férias, um final de semana já te deixa leve. Pode ser aí, perto de casa! Se não puder viajar, te hospeda em um hotel legal da tua cidade... Experimenta! Também já fizemos isso!


Foi isso que fizemos e saímos do luto com mais coragem para lutar.
Digo a você, que acabou de receber um beta negativo... Não desista!
Continue! 
Vai dar tudo certo!

4 comentários:

  1. Dicas preciosas com certeza para quem viveu um negativo após FIV. Já testei pessoalmente muitas delas (se não todas) e na minha vida elas fizeram uma grande diferença! Beijos!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ly,
      Tentei extrair dessa sofrida caminhada o que ela tinha de bom a me oferecer. Como nem tudo são flores, nem tudo é só dor.
      Torcendo muito por ti e que nossos sonhos sejam realizados em 2015!
      Grande bjo

      Excluir
  2. Posso não estar vendo o blog direto pois estou no hospital até que a pequena Érica saia da UTI.... mas vez ou outra entro para dar uma olhadinha... e é bem isso que você escreveu... Não entendem quem nunca passou por isso...
    mas o negativo as vezes vem... e temos que saber lidar com ele... nos reerguer para começar todo o tratamento
    de novo... Muita sorte pra vocês... de longe e sempre que posso entrar no blog... saiba que estou aqui na sua
    torcida...
    http://eu-quero-ser-mae-de-novo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Janete,
      Eu sempre lembro de vcs! Continuo rezando pela saúde da Érica e espero que ela receba o quanto antes a alta da UTI Neo!
      Eu sei que você está numa fase em que todas as suas forças estão com ela.
      Obrigada de coração pela carinhosa mensagem!
      Força aí!
      Deus está contigo!
      Bjão

      Excluir